Eventos e Cursos

image

Da Série PROfessores PROfissionais

Hoje vamos falar da realização de Eventos

Parte importante do trabalho do professor particular de música é promover eventos para os alunos, que podem ser recitais, encontros, saraus, masterclasses, cursos, workshops, etc. A questão é que organizar tudo isso dá muito trabalho e sendo autônomo, tendo que encarar tudo sozinho, a gente até desanima só de pensar! Em posts recentes eu compartilhei uma série sobre como se organizar com antecedência para dar conta dos recitais de final de ano, mas para deixar todo mundo ainda mais energizado para fazer esse trabalho, trouxe aqui o exemplo de duas professoras guerreiras que realmente fazem as coisas acontecerem!

imageA Regina Althaus Motta é uma professora de piano na cidade de Bento Gonçalvez – RS. Conheci ela nos Encontros de Pedagogia do Piano promovidos pela queridíssimoa Claudia Deltrégia na UFSM. Que pessoa interessada! Ela está sempre buscando cursos para se reciclar, está sempre aberta para aprender e entende a importância do professor estar em contínuo processo de aprendizagem para melhor ensinar! Pois bem, a Regina mora numa cidade do interior do Rio Grande do Sul. Lá não existe um auditório com um bom piano de cauda para os recitais. E embora Bento seja uma cidade de colonização italiana e tenha uma certa história de apoio à cultura, a cidade ainda carece de mais iniciativas para formação de platéia. Então, Regina poderia ter organizado um recital simples e pequeno na casa dela para poucos alunos e pais, mas ela sentia que deveria fazer mais por sua comunidade e tornar esse evento uma oportunidade de incentivar seu grupo de alunos. O que ela fez foi escrever um projeto para conseguir apoio financeiro da prefeitura da cidade e organizou um SUPER recital num auditório para centenas de pessoas. Com isso ela conseguiu alugar um piano de cauda Steinway que veio de Porto Alegre especialmente para o recital, toda a cidade foi convidada para ver seus alunos tocarem com entrada franca, e ainda teve fotos, cd e DVD do evento! Bom, nem preciso dizer que deu muito, muito trabalho! Regina ficou um ano inteiro se preparando e preparando os alunos! Mas o resultado foi um sucesso! Todos saíram ganhando: os alunos, os pais, os moradores da cidade e principalmente a Regina que teve o seu nome e trabalho conhecidos! Uma inspiração para todos nós realmente! Vejam algumas fotos do evento:

Então, se você mora em Bento Gonçalves e região e gostaria de fazer aulas de piano, entre em contato com essa super professora que é a Regina! O link dela para o facebook é:

https://www.facebook.com/regina.althausmotta

imageA outra diva dos eventos é a Naira Poloni! Essa professora super proativa de São Paulo é simplesmente a pessoa por traz do Convep, o Congresso Nacional Virtual de Estudo de Piano! Ela trabalha como professora de piano e se especializou em aulas em grupo. Então além de ensinar seus alunos, ela também promove worskhops para treinar outros professores. Dessa forma expande as possibilidades do seu trabalho promovendo cursos presenciais e à distância através do skype. Essa semana mesmo ela estará em Bagé-RS no Estúdio da querida Cheisa Goulart (outra pessoa SUPER proativa) para ministrar um desses treinamentos para professores de região! Ela poderia ficar esperando sentada ser convidada, mas ao invés disso ela mesma ajuda a promover esses eventos, criando as oportunidades, fazendo contatos e trabalhando para as coisas acontecerem. Vejam só:

E se você mora em São Paulo e gostaria de fazer aulas com a Naira ou você é professor de música e gostaria de receber um excelente treinamento para trabalhar com piano em grupo, entre em contato com ela através do Facebook:

https://www.facebook.com/pianoemgrupo/

Depois disso só tenho uma coisa a dizer: mais Reginas e mais Nairas, por favor! Com toda essa situação do nosso país seria até “justo” colocar a culpa dos nossos fracassos nas  crises econômica e política. E é preciso sim lutar para que isso melhore, mas a vida continua, as contas tem que ser pagas, o Brasil precisa de mais educação, de mais ensino de música, de mais cultura. Então  agora é a hora de seguir o exemplo dessas duas queridas e trabalhar ainda mais para as coisas acontecerem! É assim que as mudanças vêm! Vamos lá, pessoal!

Um ótimo ensino de música a todos,

image

Anúncios

Mirka Blogueira no Pérolas Didáticas

image

Ano passado compartilhei com vocês sobre o LINDO Canal Piano.Pérolas, que tem por objetivo divulgar a música didática para piano de compositores brasileiros. (Se você ainda não se inscreveu no canal, pare de ler o post AGORA e vai lá no YouTube se inscrever!!!!!). A idealizadora é a competentíssima Carla Reis, professora da Universidade Federal de São João Del Rei. A novidade é um desdobramento desse projeto que agora ganha um espaço específico para assuntos relacionados à pedagogia do piano. Mas que maravilha!!! São vídeos quinzenais com provocações, dicas, ideias e discussões sobre vários temas envolvendo o ensino do piano.

O primeiro vídeo, intitulado “O Complexo de Gabriela”, reforça a importância de sair da caixa, dar uma sacudida e questionar a nossa maneira de ensinar.  Não poderia imagehaver um começo melhor para essa história. Afinal de contas, se não estamos dispostos a mudar para melhor nossa maneira de trabalhar com os alunos estaremos meramente reproduzindo mecanicamente o jeito como fomos ensinados.  Então a mensagem é que vale a pena sair da zona de conforto e se reciclar SEMPRE!

No segundo vídeo da série, Carla mostra dois blogs com conteúdos super interessantes para quem quer usar a internet como ferramenta na busca por recursos, materiais e ideias para as aulas. Um deles é o excelente Piano Mundi, da Izabela Pavan, que já mostrei aqui num post durante a maratona. O outro é de uma tal de Mirka, que tem um blog chamado Mirka&Piano. Não sei se alguém aqui já ouviu falar, mas parece que é muito legal. 😉  Segue o vídeo na íntegra:

Quando fiquei sabendo que o blog seria tema de um dos vídeos do Pérolas.Didáticas primeiro, fiquei muito feliz, segundo, parei um pouco para refletir sobre esse espaço aqui, sobre as motivações para iniciar essa minha pequena história (já são três anos!!) do Mirka&Piano. Então segue o blá, blá, blá aí para quem não tiver nada melhor para fazer e quiser ler:

 

A História da Mirka Blogueira!image

Bem, no meio da minha formação eu me vi apaixonada pelo ensino do piano e desde então venho pesquisando formas de aprimorar esse ofício tão bonito. Nesse caminho um tanto quanto solitário, tenho visto a internet como um veículo poderoso para me abastecer de conhecimento através de livros, vídeos, sites, palestras, cursos on-line, podcasts e blogs.

Há uma comunidade grande de professoras de piano blogueiras que com sua generosidade dividem experiências e materiais de todos os tipos para serem usados nas aulas. Fiquei tão encantada com esse universo e sentindo que poderia também contribuir um pouquinho, resolvi me lançar nessa jornada que começou em 2014 com o Mirka&Piano. Creio que na época o blog não foi só para que eu tivesse um lugar onde compartilhar o que sei e no que acredito, mas que o fizesse na nossa língua, já que praticamente todos os que eu acompanhava estavam em inglês.

Mirka e Piano _Praia

Também por essa carência achei que deveria fazer deste um espaço para a produção de conteúdo. A ideia sempre foi apresentar soluções práticas sobre o dia a dia das aulas, fazer e compartilhar materiais como jogos e atividades, relatar experiências, apresentar ideias e divulgar outros projetos de pedagogia do piano como canais no YouTube, sites, eventos e cursos.

Além do blog, que aparece como página inicial do site e é voltado para professores cropped-figura22.jpgde piano e de música em geral, o http://www.mirkapiano.com também funciona como meu cartão de visitas, onde anuncio as aulas, exponho meu currículo e meus contatos para prospectar novos alunos (por isso a escolha óbvia de usar meu nome e o instrumento que ensino: Mirka&Piano). E olha que tenho obtido muita procura por aulas através do site, já que no lugar das antigas “páginas amarelas” ou “classificados” as pessoas hoje usam basicamente a internet para a busca de produtos e serviços.

Um dos resultados mais bonitos desse projeto é a formação de uma comunidade de professores que acompanham, se inscrevem e comentam. Como falei anteriormente, sempre achei essa vida de professor particular de instrumento, especialmente de piano, muito solitária. Sinto falta de interagir mais com outros colegas para dividir anseios, angústias e também a satisfação e a felicidade de fazer esse trabalho. Além disso, essa troca traz riqueza e amplia nossa visão de ensino. É realmente maravilhoso!

Mas, mas, mas…confesso que não é fácil levar o blog adiante. São em média 5 horas de trabalho para cada post, desde ter a ideia do tema, a pesquisa, a elaboração do texto, revisão, inclusão de gravuras e vídeos, mais revisão, produção de materiais, revisão de novo…Tudo isso feito nas “horas vagas” entre uma aula e outra. Sem falar no custo para manter o site no ar. Mas ADORO fazer isso. Sou com certeza uma blogueira feliz! Então, embora difícil, é muito gratificante. E depois desse vídeo do Piano.Pérolas, a bochecha fica mais rosada e o sorriso vem  mais fácil porque a gente vê que o propósito do blog está sendo atingido!!

E você, querido professor ou professora que visita e acompanha o Mirka&Piano, você já pensou em criar seu próprio site, ou ter um blog, página no facebook ou canal no YouTube para compartilhar algo? Talvez sua especialidade seja piano em grupo, ou piano popular, ou aulas para adultos, ou a filosofia Suzuki ou Kodály…seja o diferencial que for, você também pode contribuir para a nossa comunidade de pedagogia do piano. Que tal começar a compartilhar também? Hein? Hein? Hein? E outra coisa, já que você teve a pachorra de ler até aqui, que tal recomendar o Mirka&Piano para outros colegas? Se você acha que vale a pena e está ajudando nas suas aulas, será que não ajudaria também outros professores de música que você conhece? Não guarde isso só pra você! Mais generosidade, por favor!!!

Ah, e dia 24 de Junho sai outro vídeo do Pérolas.Didáticas! Não percam!!

Fica aí o desafio e…

um ótimo ensino de música a todos!

image

 

A União Faz a Força!

Pois é…quando eu levanto a bandeira de professora particular de piano as pessoas pensam que eu saio solitária aí pelo mundo ensinando outros a tocarem esse instrumento!

image

Na verdade não é bem assim! Eu acredito muito na união com outros profissionais da área tanto para aperfeiçoar quanto para simplificar e otimizar nosso trabalho! Pois é, eu sou sim autônoma, mas tenho um grupo querido de colegas com os quais me junto para realizar diversas atividades durante o ano!

image

Quais são as vantagens?

Troca de ideias e materiais: sou super a favor do professor estar sempre atento para inovar sua maneira de ensinar. Conversar com outros colegas faz a gente ampliar nossa visão através de experiências, livros, métodos, materiais e recursos! Num post antigo compartilho sobre os encontros que promovemos para esse “troca troca” de ideias! E como a gente aprende com isso!

Captação de alunos: parece uma contradição eu colocar isso como vantagem, afinal, como outros professores que podem ser vistos como “concorrentes” podem me ajudar a ter alunos? Acreditem,  isso funciona de verdade! Eu e meus colegas estamos constantemente indicando alunos uns para os outros, especialmente quando recebemos alguém que não se encaixa dentro da nossa agenda de horários ou bairro de atuação!

Realização de eventos: dividir com outros colegas a árdua tarefa de realizar eventos anuais para os alunos é um alívio sem fim! Organizar um recital, por exemplo, demanda tanto trabalho e energia do professor, então quando podemos contar com a ajuda de outro profissional para essa tarefa é realmente algo maravilhoso! Sem falar que os recitais solo, recitais de duetos, cursos, workshops, masterclasses, visitas a teatros para assistir concertos e festas contam com um número muito maior de participantes, já que temos alunos de vários professores envolvidos! Fica muito mais animado  e podemos fazer diversos eventos focados nas faixas etárias e interesses!

Divulgação: dividir custos de divulgação das aulas também é uma das vantagens de se trabalhar associado a outros profissionais. A manutenção de um site, o trabalho de gráfica, impressão de cartões, panfletos, os custos com eventos, tudo isso fica mais leve no bolso quando rateado com outros colegas!

Uma coisa importante!image

Trabalhe com pessoas com os quais você tenha afinidade, que sejam profissionais bem qualificados, dedicados, que sejam sérios e comprometidos com o ensino! Gente “do bem” mesmo! Durante meu curso de Pós em Pedagogia do Piano, fiquei um ano inteiro observando meus colegas para então convidar uma delas, Nariá Assis, que eu achei ser a pessoa perfeita com quem gostaria de trabalhar! Depois dela as outras professoras vieram por indicação minha ou dela e foram selecionadas porque tinham, entre outras qualidades, todas as citadas anteriormente! Escolher as pessoas com as quais vamos trabalhar é muito importante, especialmente no início do processo, já que elas vão ajudar a formar a cultura do grupo . Além disso é essencial que sejam pessoas sim diferentes e que se complementem, mas que tenham muitos objetivos em comum!

No momento temos outras pessoas (excelentes profissionais) com quem no futuro gostaríamos de convidar para compor nosso quadro. Agora é uma questão de vermos o quanto poderemos crescer em número de alunos para que isso aconteça! Tudo no seu momento certo!

Que grupo é esse?

O Pianópera!

image

O grupo do qual faço parte chama-se Pianópera – Aulas de Piano e Canto!  Somos 5 professores, 4  de piano e 1  de canto! O trabalho começou somente comigo e meu marido, Vinicius Kirchhof que é cantor, depois vieram as colegas de piano (em ordem) Nariá Assis, Raisa Richter e Viviane Gonzalez. Fazemos reuniões de tempos em tempos para decidirmos juntos sobre estratégias de divulgação, calendário anual de eventos e temos um grupo no whatsapp para conversarmos sobre detalhes de aulas, recitais e recomendações de alunos! Embora não tenhamos uma sede física e cada um de nós atenda a sua rede particular de alunos, esse  trabalho em conjunto é uma ótima sinergia e funciona muito bem para todos nós!

image

Convido todos a visitarem nosso site e se tiverem um trabalho parecido com o nosso, por favor, compartilhem nos comentários. Ou se ainda não pensaram sobre isso, considerem a possibilidade de associarem-se a outros colegas e vejam se isso não será mais vantajoso para vocês e para eles também!

https://pianopera.wordpress.com

Então é isso! A união faz a força, pessoal!!

Um ótimo ensino de música a todos!!

Mirka.

 

Grupo no WhatsApp para PPS (Professores de Piano Solitários)

image

Em um post antigo comentei (o óbvio) sobre como o pianista é um ser solitário! Durante sua formação passa várias horas por dia grudado no instrumento estudado. Na hora de fazer uma prova ou recital (a não ser que seja de música de câmara) encara o palco sozinho mesmo! E o professor particular de piano acaba seguindo o mesmo caminho! É claro que aqueles que trabalham em escolas têm os colegas para conversar e trocar ideias, mas os que atuam de forma autônoma no seu próprio estúdio, acabam ficando um pouco isolados e sem contato com seus pares! E como isso faz falta!!!

Pensando nisso o queridíssimo Eduardo Fontes, um professor de piano super dedicado de Vitória no Espírito Santo, criou um grupo no WhatsApp! Mas que ideia maravilhosa!

Eduardo (que já fazia parte de um grupo sobre Musicalização) acertou em cheio, porque a mesma carência de contato e troca de experiências entre professores de piano que ele tinha lá em Vitória, outros também sentiam no Mato Grosso do Sul, ou em Rondônia, ou no Paraná ou aqui na cidade maravilhosa! O resultado surpreendeu o próprio criador do grupo, pois desde seu nascimento  (em 5 de março de 2016, mais precisamente às 16h e 20 minutos), há pouco mais de 3 meses, o “Professores de Piano” (como é chamado) já conta com mais de 100 participantes do Brasil todo! Os perfis são variados, desde professores universitários, mestrandos, doutorandos e graduandos de cursos de música, proprietários de escolas, professores de escola e professores particulares autônomos, como eu!

Além do Eduardo, outras colegas (as queridas Naira Poloni do Convep e a Keyla Esperidon) também estão auxiliando como administradoras para agilizar a inclusão de mais participantes.

Os céticos vão dizer: Ah, não! Mais um grupo de WhatsApp só pra encher meu celular com 150 mensagens de bom dia, correntes, piadas sem graça, campanhas partidárias e vídeos virais! Bem, posso dizer como participante assídua que esse grupo é um dos mais produtivo do qual faço parte! Os comentários são pertinentes, as experiências, vídeos e materiais compartilhados acrescentam muito na prática e no dia a dia das aulas. Além disso, o clima de camaradagem e cooperação é evidente entre os colegas! Como tenho conhecido gente bacana e aprendido um pouquinho com cada um todos os dias!! Então, da minha parte SUPER recomendo!

Além do WhatsApp, o Eduardo criou um depósito de materiais e arquivos no OneDrive, onde o pessoal vai fazendo sua contribuição, deixando arranjos de partituras, livros que não são mais editados e outras preciosidades para uso livre dos participantes! Assim que um membro entra, recebe calorosas boas vindas dos integrantes, bem como uma mensagem com a senha de acesso! É uma riqueza esse grupo!

Bem, termino esse post deixando em meu nome (arrisco dizer até em nome de todos os colegas do grupo) um MUITO obrigada ao Eduardo por essa iniciativa fantástica!! Ações como essa nos unem e mostram que aos poucos a área de Pedagogia do Piano no Brasil vai tomando forma, rumo e se consolidando de verdade! Ei, olhem só! Já está acontecendo e estamos fazendo parte disso!

Deixo a vocês o convite para se juntarem ao grupo através da Fan Page do Eduardo no Facebook (vejam o link abaixo). Após acessarem, por favor, enviem uma mensagem inbox para ele solicitando sua participação com o seu número de WhatsApp. Aproveitem para curtir a página do colega!!!

image

Link para a página do Eduardo no Face Book:

https://www.facebook.com/eduardofontespiano/?ref=ts&fref=ts

Então era isso, pessoal! Nos vemos no grupo!

Mirka.


imageEduardo Fontes iniciou os estudos de piano aos 09 anos de idade por influência de sua mãe, ingressou no curso livre da FAMES – Faculdade de Música do Espírito Santo “Maurício de Oliveira” em 2002, posteriormente no ano de 2013 graduou-se em piano na mesma instituição. Participou de concursos de piano destacando-se como Melhor Intérprete Villa-Lobos no Concurso Nacional Villa-Lobos na categoria piano (2007). Atualmente leciona piano para alunos a partir dos 05 anos no curso livre Opportunity do Departamento de Música da PIB-Barcelona (ES), além de atuar como Pianista Acompanhador no programa de bolsas de monitoria da FAMES. Recentemente ao lado pianista Kyssia Teles formou o Duo Pianoforte, com trabalho voltado a música sacra.