Conhecendo os Compositores

Que tal convidar os compositores para as nossas aulas?

image

Bem, eu penso que para um ensino de música em primeiro lugar (e não só de piano) é importante que o professor inclua alguns conteúdos na sua aula, como história da música, biografia dos compositores e apreciação musical, por exemplo. Esses aspectos de cultura musical geral complementam o trabalho no instrumento e enriquecem muito as aulas, proporcionando um ensino muito mais completo para o aluno.

Como eu sou muuuuuiiitttoo inquieta, estou sempre buscando novos recursos para trabalhar esses conteúdos com os alunos. Então, numa das minhas andanças pela internet encontrei umas coisinhas muito bacanas sobre os compositores que gostaria de compartilhar hoje com vocês, além de algumas outras ideias daqui do blog mesmo.

1. Biografias ilustradas: vídeo

Eu gosto muito de histórias ilustradas e elas estão se tornando cada vez mais populares em vídeo! Encontrei essas duas versões sobre Beethoven e Chopin. Há obviamente muito mais informações que poderiam ter sido dadas, mas os vídeos são  curtos. Perfeitos para crianças! Super bem feitos com texto, desenhos e música. Uma pena que o canal tenha só essas duas opções, mas espero que mais alguns compositores sejam incluídos no futuro.

2. Biografias ilustradas: livros

Além dos vídeos existem diversas coleções de livros de diferente editoras que são próprios para o público infantil. Mas eu encontrei dois que me chamaram a atenção: Chiquinha Gonzaga e Villa-Lobos! Uma excelente forma de trabalhar a vida de nossos compositores brasileiros, ou a infância deles (como no caso desses livrinhos). Eles são da editora Callis e achei para vender na livraria Saraiva.

3. Jogo da memória

  • Já falei aqui sobre a Susan Paradismas não me canso de indicar o site dela! É definitivamente uma parada obrigatória para quem quer jogos e atividades para usar nas aulas de música! Ela disponibiliza arquivos pdf, então é só imprimir e usar! Pois bem, ela tem um jogo da memória dos compositores para colar em tampas de plástico! Criativo e sustentável! Mas não se esqueçam, caso baixem o arquivo, considerem fazer uma doação para que ela continue mantendo o seu maravilhoso site!

image.jpeg

Clique AQUI para fazer o download do jogo no site da Susan

4. Quebra-cabeça com palitos de picolé 

Essa próxima dica é uma reciclagem de um post aqui do blog mesmo. Publiquei no ano passado durante a maratona. É um quebra-cabeça dos compositores! A ideia é muito simples. Abaixo segue o vídeo tutorial:

5. Sugestão de plano de aula

Depois dessas dicas todas, gostaria de sugerir um pequeno plano (que eu particularmente uso) dividido em 4 semanas e que pode ser feito usando no máximo 10 minutinhos da aula. Esse esquema funciona melhor com o envolvimento da família. Nesse caso ajudamos também a levar cultura musical geral para os lares dos nossos alunos e contribuímos para a formação de platéia.

Aula 1

  • Selecione o compositor, de preferência um que o aluno esteja tocando no seu repertório;
  • Faça a atividade do quebra-cabeça para “apresentar” o compositor ao aluno;
  • Faça perguntas para ver o que o aluno já sabe (nome, país natal, título de algumas composições…);
  • Mostre um vídeo sobre a biografia e complemente com mais alguns fatos e histórias interessantes;
  • De tarefa peça que o aluno leia mais sobre o compositor na internet ou,  se tiver um livrinho, empreste para ele ler na próxima semana. Selecione também algumas obras do compositor com link de vídeos do YouTube para ele assistir em casa.

Aula 2

  • Peça ao aluno que fale  o que leu sobre o compositor;
  • Comentem sobre as músicas que ficaram de tarefa e escutem juntos mais alguns trechos de outras composições;
  • Peça ao aluno que faça um desenho do compositor para mostrar na aula seguinte e que continue ouvindo as obras indicadas;
  • Envie uma mensagem para os pais avisando que o aluno está estudando sobre determinado compositor e incentive a família a participar escutando juntos as músicas selecionadas. Outra sugestão é que os pais peçam para seu filho contar  sobre a vida do compositor para eles.

Aula 3

  • Comece apreciando o desenho que o aluno fez;
  • Como atividade de revisão elabore afirmações corretas e incorretas sobre a vida e a obra do compositor para o aluno responder se é “verdadeiro ou falso”;
  • Mostre o jogo da memória com outros compositores que serão estudados no futuro. Apresente seus nomes e aproveitem para jogar!
  • Peça ao aluno que continue ouvindo as obras selecionadas.

Aula  4

  • Jogue mais uma vez o jogo da memória e cada vez que formar um par, peça ao aluno para falar o nome do compositor;
  • Faça um teste de apreciação musical colocando para o aluno ouvir algumas das obras selecionadas e peça que identifique o título e os instrumentos utilizados;
  • Se o aluno for bem em todas as atividades anteriores e você achar que deve dar um incentivo, pode finalizar o projeto confeccionando um certificado bem fofo de “Expert em (e escrever o nome do compositor)”. Depois é tirar uma foto e enviar para a família!
  • Como “cereja do bolo” você pode sugerir aos pais que fiquem atentos à programação cultural da cidade e levem seu filho para assistir a um concerto que inclua no programa obras do compositor estudado!

Bem, obviamente que tudo isso fica lindo no papel, mas nem sempre vai funcionar como planejamos. Por isso é importante ter flexibilidade, adaptar as atividades ao longo do processo e ver o que funcionará melhor para cada aluno. Afinal, são só sugestões mesmo!

Lembrando que essas atividades foram pensadas para serem usadas com crianças, mas nada impede que você faça os devidos ajustes para trabalhar com adolescentes e adultos.

Obs.: Dependendo da idade  e da bagagem musical do aluno seria interessante ir apresentando os períodos da história da música e situar os compositores nessa linha do tempo a medida que forem sendo estudados. Outro aspecto que pode ser abordado é a forma das composições.

Para terminar compartilho esse lindo desenho que minha aluna Julia fez de Beethoven quando ela tinha 9 anos! Fofura total!!!

image

Até a próxima e ótimo ensino de MÚSICA a todos!!!

Mirka.

De Volta com os Aniversariantes !!

Queridos amigos e colegas professores!

Já fazia um tempo que não nos encontrávamos por aqui! Mas foi por um bom motivo, um ótimo, na verdade. Talvez alguns de vocês já saibam, mas tive meu primeiro bebê há pouco e depois de uma fase intensa de amamentação, cólicas e trocas de fralda, a vida aos poucos vai voltando ao “normal”, se é que se pode dizer… Não costumo compartilhar questões pessoais como essa, mas vocês que acompanham o blog merecem uma satisfação para o meu pequeno sumiço nos últimos meses! Então logo, logo teremos um pequeno pianista correndo pela casa!😃😃😃

 

image

Bem, o post de hoje veio como sugestão da colega Natany Hellen Braga, que é uma seguidora fiel do blog! Ela me alertou que há um tempo atrás, quando fiz o calendário de aniversários dos alunos, compartilhei somente de julho até dezembro. Então, para completar o ano trouxe hoje o arquivo com os meses de janeiro até junho! Um pouquinho atrasado, considerando que já estamos no final de abril, mas antes tarde do que nunca, não é mesmo?!

image

Calendário Aniversários_Janeiro-Junho_pdf

Aproveito e compartilho com vocês o que eu e minhas colegas professora de piano do Pianópera vamos dar de aniversário para os alunos esse ano: um lápis preto com um pianinho colado na ponta! Descobrimos essas fofuras eu e Eduardo Fontes numa andança pelo comércio do Saara aqui no Centro do Rio. Ficaram uma graça! Obrigada Tamy Oliveira que me ajudou nesse projeto e confeccionou os mimos!

image

E aproveitando para reciclar posts antigos que tem a ver com esse, eu já ensinei a fazer uma embalagem fofa para um kitkat e uns bloquinhos musicais:

Para aprender a fazer a embalagem do kitkat clique aqui

Para ver o post sobre os bloquinhos, clique aqui.

Bom, por hoje era isso!

Mas em breve eu volto com super novidades sobre o projeto Pianopérolas, sobre um material maravilhosos da professora Irina Gorin, apps de jogos e atividades para usar nas aulas e um super projeto surpresa! Aguardem!!

Um ótimo ensino de piano a todos! E FELIZ ANIVERSÁRIO!

piano cake
(Me inspirei na colega Graça Pereira do grupo de whatsapp de professores de piano. Sempre que temos alguém de aniversário ela compartilha a imagem de um bolo temático de música ou de piano! Super simpática!)

 

Mirka.

 

 

Cubo curinga!

Errata: para os que recebem os posts por e-mail, peço desculpas pelo erro na palavra “conceitos” no segundo parágrafo do post de ontem, que saiu sem a letra “i”. Convido para que leiam no site, onde a edição já foi feita e o erro está corrigido.

image

Ai, ai, ai, ai…está chegando a hora! O dia vai terminando meu bem e eu tenho que ir embora!!!! 😢😢😢 Pois é! Hoje é o último dia da maratona! Nossa, já passou!!! Foram 32 dias consecutivos de posts,  muito trabalho, algumas madrugadas para finalizar edições de vídeos, um pouquinho de correria (às vezes), muitas horas de planejamento (em média 5 horas para cada post), preparação, revisão…ufa! Mas estou feliz, muito feliz mesmo de ter concluído esse projeto, e mais feliz ainda por vocês que acompanharam, curtiram, comentaram e aproveitaram o conteúdo do blog! Esse espaço é feito para isso mesmo: dividir com vocês (além de ideias e materiais) as dúvidas, as dificuldades e também as alegrias de ser professor(a) de piano!

Mas vamos seguir com o post de hoje!
O que gostaria de propor para o nosso “faça você mesmo” é um dado, sim um cubo de papel ou cartolina que você pode imprimir, recortar e colar para usar nas aulas como quiser! É um elemento curinga e pode ser adaptado de várias formas e a vários conteúdos!

Encontrei um post no blog Espaço Educar com diferentes dados que você pode baixar e imprimir! O link é:

http://www.espacoeducar.net/2011/06/moldes-de-dado.html?m=1

A ideia depois é escrever em cada um dos lados algo que seja relacionado ao assunto a ser trabalhado com o aluno! Pode ser um cubo com sinais de dinâmica, onde o aluno toca determinado trecho de música ou improvisa uma melodia em piano ou forte, por exemplo (de acordo com o que símbolo que tirar no dado). Outra opção seria escrever células rítmicas para o aluno ler, falar a silabação ou tocar no instrumento mesmo…as possibilidades são quase infinitas! Então use sua criatividade e monte seu dado com o que quiser abordar com seus alunos!

image.jpeg

Bem, queridos colegas! A maratona chega ao final, mas o BLOG segue em frente com força total! Vou tirar uns dias de descanso e retorno na segunda dia 27/6 com uma promoção !! Vou sortear uns SUPER brindes! Não percam! Até lá!!!!!!

Um ótimo ensino de piano a todos e mais uma vez MUITO obrigada por sua companhia!

Mirka.

KitKat! Um mimo para os alunos!

image

Eu mimo os meus alunos (às vezes) quando eu acho que eles merecem. Por exemplo: quando andam a “segunda milha”, me surpreendem e estudam mais do que o esperado, ou tocam MUITO bem na aula, ou ainda quando estão de aniversário. Além disso, eu e minhas colegas Nariá Assis, Raisa Richter e Viviane Gonzalez gostamos de dar um presentinho para cada aluno logo após o recital!

É lógico que para não quebrar o orçamento da profe e para agradar a maioria dos alunos, nada melhor do que um chocolatinho! Salvo raríssimas exceções (alunos com intolerância a lactose ou os que não são fãs mesmo de chocolate), esse é o presente que praticamente todos gostam de ganhar! Mesmo aqueles com diabetes podem comer uma opção diet de vez em quando. Então, vamos de chocolate mesmo!

Mas para deixar o mimo mais especial a proposta de hoje é usar uma embalagem exclusiva com um “parabéns”, um tecladinho e a frase “Chocolate: porque quem toca piano precisa de energia!” Verdade seja dita, precisamos mesmo! Então abaixo segue o modelinho que eu criei há um tempo atrás (para o Kitkat) com direito a foto, PDF e vídeo com tutorial de “como fazer”!

image

 

Embalagem KitKat para imprimir_PDF

Agora o vídeo:

Ah! A dica final é escrever à mão o nome do aluno  com canetas coloridas no tecladinho da embalagem usando uma letra para cada tecla branca! Nesse caso o presente realmente fica SUPER personalizado.

Um doce ensino de piano a todos! 🙂

Mirka.

Um Convite Lindo para o Recital!

image

Sabe aquela hora em que seu orçamento apertado não permite contratar um designer e você tem que usar de toda a sua criatividade para fazer um convite ou cartaz para o recital de final de semestre dos alunos, e apesar de todos os seus esforços o resultado não é “aquela brastemp”?! Pois é, a Joy Tunes entende a gente como ninguém! Os mesmos autores dos Apps Piano Maestro e Dust Busters fizeram um site onde você pode escolher templates de convites para recitais de piano SUPER lindos. Eles são “editáveis” no próprio site, onde você escreve as informações sobre seu evento, como título do recital, data, hora, local…depois é só salvar e enviar por email. Você pode imprimir ou enviar a versão digital mesmo para os alunos e pais compartilharem com seus convidados. Vejam um exemplo abaixo:

image

O resultado final é realmente de muito bom gosto, mas adaptações devem ser feitas. A questão é que alguns deles vão ter palavras escritas em inglês que fazem parte do modelo, como “Presents” ou “You are invited to”. Nesse caso é bom escolher algum tema que não tenha essa opção de frases ou omitir a caixa de texto que leva essas palavras. Outra solução seria salvar em imagem e depois editar em outro programa para esconder com uma figura ou caixa de texto com as mesmas palavras em português (que foi o que fiz neste daí).

Outra coisinha que quero acrescentar é que os modelos de convites vão mudando ao longo do ano e podem ser temáticos em épocas de festividades, como no Natal, por exemplo.

Então se gostou, visite: https://recitals.joytunes.com/

Essa dica veio através da minha colega Nariá Assis que viu no blog da Wendy Stevens! Então obrigada, Nariá! Super dica agora compartilhada aqui com os colegas!

Desejo sucesso nos seus recitais! Hoje tenho um de  duetos com os alunos adolescentes. Aproveito para anunciar meus planos de fazer posts dedicados a preparação e organização de recitais num futuro próximo!! Então fiquem ligados aqui no blog!

Um ótimo sábado a todos,

Mirka.

Quebra-cabeça dos compositores com palito de picolé! 😃

imageNo ” Faça você mesmo” de hoje gostaria de compartilhar uma ideia, que não é minha e nem é original, mas que eu achei super bacana para ajudar os alunos a conhecerem melhor os compositores que tocam! Então deixo aqui um quebra-cabeça com palitos de picolé. A primeira vez que vi isso foi há uns anos atrás no blog da maravilhosa Anne Crosby Gaudet.

 

image

É bem simples de fazer e leva poucos materiais! Esse recurso didático  eu fiz especialmente para o blog, então não vejo a hora de usar com os alunos! Minha ideia é fazê-los montar o quebra-cabeça antes que eles aprendam uma música de determinado compositor e aproveitar o momento para ouvirmos algumas gravações e falarmos um pouco sobe a vida e a obra do mesmo! Acho que será um forma divertida e lúdica deles entrarem em contato com os grandes nomes da música!

Outras ideias de aplicação que penso no momento:

  1. Cronometrar e ver o quão rápido o aluno consegue montar; ( nas aulas em grupo deve ser uma sensação!!)
  2. Depois que o aluno já tiver estudado sobre diversos compositores posso misturar vários quebra-cabeças para ver se consegue separar, montar e falar um pouquinho sobre cada um deles!

Abaixo segue o tutorial:

 

Bom ensino de música a todos!!

Mirka🎹🎼😄

 

 

Solfejo+Microfone=Diversão!!

 

image

Queridos Colegas!!

Sempre que vou iniciar o aprendizado de uma música com meus alunos planejo com muito cuidado diversas atividades de preparação, como por exemplo, leitura rítmica e melódica. A questão é que ultimamente andei observando que quando o momento de solfejar chegava eu imediatamente via os olhos dos alunos se revirarem, quase como se dissessem “Ah, não! Lá vem ela com esse negócio de solfejo outra vez!”

image

Esse é um sintoma que sempre procuro estar atenta! Sinal de que é preciso usar a criatividade para vencer a resistência e conseguir fazer com que o aluno não só realize uma atividade tão importante quanto o solfejo,  mas a faça alegremente!

image

Pois eu pensei, por que não tornar o solfejo um show a parte? Que recurso poderia usar que tornasse esse momento mais divertido e especial? Foi então que tive meu segundo de epifania e pensei: mas é claro, um microfone!!! 🎤🎤🎤Quer saber se funcionou? Dá uma olhadinha nas fotos que tirei com uma aluna outro dia desses e me digam se não foi divertido cantar as notas no microfone?! Ah, e detalhe, ele é de brinquedo, tá? Imaginem se funcionasse mesmo!

image

Tudo bem que às vezes eu acho que me divirto mais do que os alunos, mas é só às vezes mesmo.

Bem, vamos ao que interessa: como fazer! Segue o vídeo explicativo:

Ainda não estão convencidos? Bem, esse meu aluno fofo me ajudou a vender o peixe pra vocês de que realmente dá certo! Vejam o vídeo na prática! Vai o bônus aí do post! Esse é extra mesmo:

Então era isso aí! Boa cantoria para todos vocês!

Mirka.