Curso de Leitura Musical

Minha gente!

Fazia tempo que não nos encontrávamos! Então venho aqui acabar com esse vácuo do blog para divulgar um curso que darei em São Paulo no próximo dia 15 de junho de 9h até às 17h!

Quer saber se esse curso é pra você?

VOCÊ…

É professor de música e sabe que ler partitura é importante para a formação musical dos alunos?
Gostaria que eles fossem fluentes na leitura das notas, ritmo e demais símbolos musicais?
Quer aprender técnicas, atividades e jogos para ensinar leitura de forma leve e divertida?
Tem alunos resistentes que não querem ler de jeito nenhum?
Ou simplesmente gostaria de diversificar seus materiais para tornar suas aulas mais ricas, variadas e eficientes?

Então esse curso é para VOCÊ!

Nele vamos aprender:👇
1. Diferentes abordagens de leitura
2. Como preparar o aluno para aprender uma música nova
3. Dicas de como planejar o ensino de forma gradual
4. Atividades de leitura divertidas e estimulantes
5. Novos jogos para tornar os alunos fluentes na leitura rítmica e das notas

Todo o conteúdo poderá ser usado em modelo de aula professor/aluno, aulas em grupo ou turmas.

Os participantes receberão uma handout (resumo) com os tópicos principais do curso, com dezenas de ideias, dicas e atividades. Os inscritos também poderão adquirir jogos da linha Mirka Brinca com desconto no dia do curso.

Como bônus, Mirka dará 20 dicas de um bom atendimento, para encantar pais e manter alunos!

F86E117D-5E29-4EAA-B7DB-214A66FB98AF

Técnicas, atividades e jogos para ensinar LEITURA MUSICAL
Dia 15 de junho de 9h até às 17h em São Paulo
Na sala da Patricia Cervantes / colado no metrô Clínicas
Ministrante: Mirka da Pieva

Não vai poder ir pra SP participar? 😭Não fica triste!!! Vai ter online!!!!!🎉🎉🎉

Manda um WhatsApp pra Patricia AGORA pra se inscrever

 (11) 98352-5806

As vagas são LIMITADAS e costumas se esgotar rapidinho!!!

Vejo vocês lá!!!!!

image

 

 

 

 

Os Materiais

 

 

image

Da Série PROfessores PROfissionais

Hoje vamos falar sobre os…

Materiais de divulgação e didáticos!

Vamos direto ao ponto então!

imageA ex colega de UFSM Cheisa Goulart, de Bagé – RS é um exemplo de profissionalismo com o recém inaugurado Estúdio, que leva o seu nome. Ela, além de ter feito um lindo logo, ter montado sua sala de aula ocupando parte de sua casa (dividindo o espaço com o seu marido, que é dentista), também investiu em lindos itens para divulgação de sua marca em forma de materiais. Um deles, que eu achei o mais bacana, é uma sacola de TNT azul com o logo nas cores azul e branco. Ficou simples. Ficou bonito. Ficou funcional! Isso porque os alunos usam para carregar o material das aulas e ela deu como brinde no início do ano! Muito dirão que ela poderia ter vendido, mas se pensarem que os alunos sairão por aí felizes e contentes carregando suas lindas sacolinhas, projetando a imagem do logo da Cheisa e que através disso mais pessoas ficarão sabendo do seu trabalho, então ela já saiu no lucro! Sei que muitas escolas de música fazem isso, mas ver uma professora particular de piano ter essa iniciativa, realmente mostra que ela leva muito a sério o seu trabalho e que quer divulgá-lo na comunidade onde mora! Vejam que LINDAS ficaram as sacolinhas!

 

Então se você mora em Bagé ou região e quiser fazer aulas com uma excelente professora, acesse a página da Cheisa no Facebook:

https://www.facebook.com/cheisagoulartediogocielo/

imageOutra colega que também montou um kit de materiais com seu logo foi a Adriana Moraes, de Ribeirão Preto – SP. Ela imprimiu adesivos e colou em cadernos, agendas e pastinhas para entregar aos alunos! Mais um exemplo de propaganda indireta, mas muito eficiente e bonita com coisas úteis e que certamente serão usadas pelos alunos! Quando vi as fotos no Facebook da Adriana, sabia que deveria compartilhar! Assim como eu fiquei inspirada com a atitude empreendedora dela, senti que muitos outros colegas poderia ser motivados a também fazerem o mesmo! Mais uma vez, esse tipo de kit vemos sendo entregue em escolas de música, mas raramente por um professor particular. Então, parabéns Adriana!

 

Ficaram fantásticos, não?

Bem, Adriana recentemente concluiu seu mestrado na USP de Ribeirão Preto sob a orientação da queridíssima Fátima Corvisier. O tema foi uma excelente pesquisa sobre materiais de iniciação ao piano para Adultos. Como Adriana está se especializando no assunto, em breve lançará um blog somente com informações para o ensino de alunos dessa faixa etária! Embora ainda esteja em construção, vale já mencionar aqui o endereço e futuramente vocês podem conferir! Tenho certeza de que vem muita coisa boa por aí! E se você morar em ribeirão Preto e região não deixe de entrar em contato com a querida Adriana para fazer aulas!

https://pianolar.wordpress.com/

Além de materiais de apoio e divulgação, qualquer professor de música que se preze precisa investir em livros didáticos. Espere um momento! Eu acho que escrever isso uma vez não é o suficiente. Deixe-me repetir: TODO O PROFESSOR DE MÚSICA QUE SE PREZE PRECISA INVESTIR EM LIVROS DIDÁTICOS! Ok, agora sim enfatizei bem! Querido colega! Eu sei que é caro! Eu sei que nem sempre sobra muito no final do mês. Eu sei que comprar livros parece um luxo pra quem tem aluguel e contas para pagar. Eu sei também que é muito mais fácil e cômodo usar aquele PDF que o amigo enviou pra gente por email ou fazer cópia (cruz credo, que isso me dá arrepios), mas lembre-se que embora no nosso país as pessoas infelizmente não levem muito isso a sério, esses materiais têm DIREITOS AUTORAIS, por isso comprá-los é a maneira certa de proceder. Não vou mais me alongar sobre isso. Não quero parecer antipática nem moralista, mas penso que é importante trazer alguma reflexão sobre o assunto porque vejo muito pouca gente falando a respeito e o compartilhamento de materiais protegidos segue sendo feito de forma muito natural, o que me causa muita tristeza.

imageGostaria então de citar o exemplo do Nando Sanges, um aluno recém formado no curso de Licenciatura em Música com ênfase em piano! No seu TCC ele abordou materiais de iniciação musical no piano para crianças. Mesmo estando no comecinho da sua caminhada como professor de piano, Nando SEMPRE reserva uma pequena porcentagem do seu ainda pequeno salário (ele está começando, se lembra?) para comprar livros didáticos para usar com os alunos! Que exemplo para mim e para tantos outros profissionais. Se esse menino consegue comprar um ou dois livros por mês, que é a sua meta, por que eu ou você não podemos fazer o mesmo? Sem falar que isso é um incentivo para que os pais e alunos invistam em livros também! Ou você acha que eles vão comprar se nem você faz isso? Vejam então algumas das coleções que Nando está adquirindo:

 

 

Ah, mas daí aquela pessoa que acha tudo difícil pode dizer que hoje em dia com a extinção das lojas de partitura a única forma de comprar livros é pela internet. E o problema é que não dá para abrir o livro pra ver o que tem dentro antes de comprar. Então escuta só, o Nando vai ajudar você! Ele acabou de criar um blog só para fazer resenhas de materiais didáticos para piano! Assim você pode ter mais informações antes de decidir se vale a pena comprar ou não! Tá bom pra você assim? Então acessa lá. E se você for de Santos ou São vicente – SP, procure o Nando para fazer aulas!

https://pianizando.blogspot.com.br/

Mas não é só de livros que estamos falando não! Para enriquecer as aulas existem muitos outros materiais e recursos como os jogos!

imageA querida Daiane Raatz de Porto Alegre é uma super professora que está sempre antenada com as últimas tendências de jogos e atividades para usar com os alunos. Cada vez que acesso o Facebook tem lá um post dela com uma fotinho de uns bichinhos fofos, de cartinhas, de um spinner e, é claro,  dos alunos com um sorriso no rosto aproveitando ao máximo esses materiais. Se eu fosse criança adoraria estudar com a tia Daiane! Será que ainda tem vaga? Vejam só:

 

 

E ela ainda dá as dicas de onde encontrar esses materiais. Além do blog dessa humilde serva que vos fala, a Daiane pega jogos nos seguintes sites:

www.composecreate.com
www.susanparadis.com
www.teachpianotoday.com
https://www.youtube.com/channel/UCqPsjhRIjGTf4jjAF3DZ-vQ – canal do Piano Pérolas

E agora Daiane tem uma página no Instagram onde compartilha essas fofuras de jogos e fotos dos alunos! Não dá pra perder! Então bora lá seguir:

https://www.instagram.com/daianepianostudio/

E se você mora em Porto Alegre e está procurando uma excelente professora de piano, já achou! Entre em contato com a Daiane.


E então meu amigo, minha amiga professor particular de música! Depois desses exemplos de profissionais maravilhosos, não dá mais ânimo e vontade de ser melhor a cada dia? De sair correndo pra fazer umas sacolinhas, ou adesivos ou comprar livros e fazer jogos? Se eles inspiram vocês tanto quanto a mim, então vocês devem estar super motivados para trazer materiais de divulgação e materiais didáticos de qualidade para as suas aulas!

Um ótimo ensino de música a todos,

image

 

 

Revelação Bombástica: Eu tenho 50 alunos!!

 

image

Revelação BOMBÁSTICA: Eu tenho 50 alunos!!

Bem, na verdade eu tenho 54, mas arredondei um pouquinho para ver se chocava menos! E agora que você já se levantou do chão depois que caiu da cadeira, sente-se com calma e tome um copinho d’água que eu vou explicar tudo.

Vamos fazer um esquema de “Perguntas Frequentes” desta vez, ok?

Como isso aconteceu? Bem, não foi de uma hora para a outra, isso posso garantir. Foram longos anos de trabalho desde que cheguei aqui no Rio de Janeiro, expandindo minha rede de contatos,  me esforçando para ser a melhor profissional que eu pudesse e usando algumas estratégias para incentivar a indicação de novos alunos. (segredinho da Mirka revelado no próximo parágrafo em 3,2,1…)

Que estratégia?  Uma das estratégias mais eficazes que usei no início do meu business foi dar descontos cumulativos de 10% durante 6 meses para cada aluno novo indicado por outro que já estivesse fazendo aula. Vou dar um exemplo de como isso aconteceu, uma mãe tinha três filhos estudando comigo, eu sabia que era pesado financeiramente, mas a educação musical e o aprendizado de um instrumento eram prioridade para aquela família, então ela realmente investia com gosto. Ainda assim o descontinho foi muito bem recebido e ela acabou indicando mais 7 alunos (verdade seja dita que ela dificilmente teria feito se não me considerasse uma boa professora). Bem, no final ela ficou feliz com o enorme desconto na mensalidade e eu mais feliz ainda com novos alunos! Se você pensa no “agora” vai dizer que seria uma insanidade dar 70% de desconto por 6 meses, mas alguns dos 7 alunos que ela me indicou estudam comigo até hoje e eles me indicaram mais outras dezenas de alunos, que me indicaram outras dezenas. Então se pensarmos a longo prazo, não valeu a pena?

E depois? Bem, depois chegou a hora em que não precisei mais dar o desconto porque já tinha uma agenda cheia. Na época eu confesso que fiquei insegura pensando que os pais não me indicariam mais, mas resolvi correr o risco mesmo assim. O que aconteceu foi que eles continuaram me recomendando com a mesma frequência e intensidade não mais pelo desconto, mas porque acreditavam no meu trabalho. E agora senhores e senhoras, essa reputação que você contrói, junto com o respeito e a confiança que as pessoas têm em você como profissional, talvez sejam os fatores mais importantes de se desenvolver numa carreira de professor de música autônomo. Aos que se interessarem pelo assunto, recomendo fortemente a leitura do livro “Personal Branding – Construindo sua marca pessoal” de Arthur Bender.

image

(O querido colega Eduardo Fontes compartilhou comigo a informação de que a própria Editora disponibiliza de forma gratuita as primeiras páginas do livro. Para dar uma olhadinha, clique aqui)

Mas afinal, por que?  Bem, eu optei por ter muitos alunos por diversas razões, mas vou citar as duas principais:

  1. Porque eu AMO ensinar  e gostaria de ter um negócio bem sucedido vivendo de música na iniciativa privada (com todo o respeito e admiração aos colegas que escolheram a carreira acadêmica, mas depois do meu mestrado eu vi que essa vida definitivamente não funcionaria para mim);
  2. Porque escolhi deliberadamente trabalhar como professora de piano em tempo integral. Não é bico, é minha profissão mesmo e encaro como tal, então meu foco está aí e essa é minha fonte primária de renda.

Quais são as vantagens de se ter tantos alunos? Na verdade são muitas. Vou citar algumas dadas pelo professor de piano Australiano Philip Johnston no seu livro “Promoting your teaching studio” e incluir outras da minha própria lista!

image

  1. Você obviamente tem uma renda maior porque tem mais alunos;
  2. Ganhando mais você pode usar uma porcentagem maior do seu rendimento para reinvestir no seu estúdio e em você mesmo com cursos e todo o tipo de aprimoramento profissional;
  3. Você pode selecionar melhor seus alunos através de uma entrevista ou aula teste, já que, como trabalha com sua capacidade total de horários preenchidos terá lista de espera para vagas;
  4. Pode cobrar um valor um pouco acima do mercado;
  5. Mesmo que aumente um pouco o valor da mensalidade anualmente, terá um ganho substancial no valor total pela quantidade de alunos pagantes;
  6. Seus alunos compreenderão bem a cláusula do seu regulamento onde diz que você NÃO REPÕE aulas, simplesmente porque você não tem horários disponíveis. Como consequência disso eles se esforçarão muito mais para não faltar;
  7. Seu estúdio poderá promover recitais épicos e eventos diversos com maior frequência de participantes e de público.

Mas deve ser muito cansativo, como você consegue? Bem, agendar uma média de 10 a 11 alunos por dia, 5 dias por semana (de segunda à sexta) pode parecer bonito no papel, mas a prática vai mostrar se você realmente quer isso mesmo e se tem gás para aguentar esse tranco! É preciso muita energia, motivação, foco, organização, logística e vocação. Para trabalhar intensamente dessa forma você realmente tem que gostar muito do que faz e eu gosto de verdade!! Então para mim deu certo!

Obs.: Nesse ponto é importante esclarecer que eu trabalho com três modalidades de tempo de aula de acordo com a faixa etária do aluno: 30 minutos, 45 minutos e 1 hora, então não são 10 ou 11 horas/relógio de aula por dia, mas umas 8h ou 9h. O que pesa contra (no meu caso) é que eu trabalho indo até a casa do aluno, então tenho o tempo de deslocamento para incluir nessa equação. Bem, mas outras dicas de como organizar as aulas eu conto amanhã, ok? Até porque hoje foram muitas informações e você vai precisar de tempo para ler e absorver tudo! (eu acho)

Obrigada por sua visita e sua leitura! Fico feliz que o que tenho para compartilhar pode também ser útil a outros colegas! Por favor, sinta-se a vontade para deixar comentários e perguntas (ou para se mostrar indignado mesmo) abaixo do post!

Até amanhã e bom ensino de piano/música a todos!

Mirka 🎹😃

 

Portfólio

Olá!Piano Professional Teacher

Desde que decidi trabalhar como professora particular de piano procurei fazer tudo da maneira mais profissional possível. Acho essa postura essencial e tomo como regra para todas as minhas ações. Isso deveria ser o senso comum para qualquer pessoa, mas a verdade é que, no meu caso é um diferencial, já que muitos colegas vêem o trabalho de professor de piano (ou professor de música em geral), como um “bico”, algo passageiro, um “stand by” enquanto algo melhor não aparece. Triste saber que uma carreira tão promissora não seja levada a sério.

Quando alguém me procura para fazer aula de piano o contato geralmente vem por telefone ou email. A pessoa sempre quer saber mais sobre sobre mim, sobre as aulas e os valores. Como o contato não é pessoal eu envio um pequeno portfólio em arquivo pdf. Essa será a primeira impressão que alguém terá de mim como professora de piano, e quero que seja a melhor possível! Então organizei o material de forma que o conteúdo estivesse bem elaborado e fosse também visualmente atraente.

Abaixo segue o arquivo para quem quiser ter uma ideia.

Portfólio_MirkaPiano_2014

Até mais,

Mirka. 

Encontros de Pedagogia do Piano

Olá!!

 Como profissional autônoma eu sinto muita necessidade de estar sempre me atualizando, me reciclando e aprendendo. Hoje tenho uma oportunidade maravilhosa de participar dos Encontros de Pedagogia do Piano, promovido pela UFSM (Universidade Federal de Santa Maria – RS), onde fiz meu Curso Superior em Música. É realmente uma oportunidade única de estar em contato com outros colegas professores, trocando ideias, assistindo a palestras, cursos, workshops e concertos. Estou muito honrada por ter sido convidada também a dar uma palestra lá no dia 15/11 sobre Jogos Musicais. Me sinto pequenina perto de tantos outros nomes importantes no cenário nacional e internacional da pedagogiado piano. Sou a única convidada que não é professora universitária. Obrigada minha querida professora Claudia Deltrégia pelo convite. Sinto-me realmente honrada.

Cartaz

Mirka 🙂